Coma seis alimentos para reduzir os efeitos causados pelo "jet lag"

Jet lag é causado por conta do fuso horário diferente

21/06/2017 Bruno Mancini

Atualizado em: 22 de Março de 2018

Viajar para outro país normalmente é um momento aguardado, mas alguns efeitos indesejáveis podem ocorrer. Um deles é o popular “Jet lag”, situação que resulta em desconforto por conta do fuso horário diferente.

O Jet lag ocorreu quando o relógio do organismo é interrompido devido ao cruzamento de fusos horários. Isso pode acarretar em sonolência, irritação e moleza nos primeiros dias no novo destino.

Por conta disso, especialistas observaram que seis alimentos e bebidas são ótimos para serem consumidos quando chegar ao destino. Confira:

– Suco de Cereja

As cerejas são as fontes naturais de melatonina. Ela influi o relógio biológico e ajuda bastante no sono. O consumo de suco de cereja duas vezes por dia pode aumentar o tempo de sono em mais de 90 minutos por noite.

– Kiwi

Um kiwi por dia é capaz de melhorar muito a qualidade do sono. Ela é rica em hormônio que está relacionado à felicidade. A serotonina é convertida na melatonina, ajudando no sono e realizando muitas funções biológicas.

– Ovos

Os ovos são fonte de vitamina B12, a vitamina da energia. Além desse benefício, ainda regula o relógio interno e no ritmo circadiano.

– Folhas verdes

As folhas verdes escuras são fonte de magnésio, um mineral que acalma e ajuda a ter um sono melhor. Os níveis de magnésio nas células acabam impactando diretamente o relógio interno.

– Carboidratos

O consumo direto de hidratos de carbono estimula a liberação de insulina na corrente sanguínea. Se você quiser dormir no desembarque, não se esqueça do componente de carboidratos na sua refeição.

– Chá de camomila

A camomila é um chá muito calmante e evidências têm mostrado que ele pode ajudar a reduzir a ocorrência de insônia e promover um ciclo de sono saudável.

Jet lag

Compartilhe:


Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *