Colônia do Sacramento

Colônia do Sacramento é um dos Patrimônios Culturais da Humanidade desde 1995 e você vai entender esse título assim que pisar por lá. A pequena cidadezinha uruguaia é capaz de encantar seus turistas em poucos minutos.

Ela foi fundada em 1680 pelo português Manoel Lobo e passou a ser de domínio espanhol várias vezes até conseguir sua independência, em 1825. A colonização de Colônia teve início quando os navegadores procuravam rotas para o Oceano Pacífico e descobriram que a cidade era um ponto estratégico no Rio da Prata, considerado o mais largo do mundo e que recebe águas dos rios Uruguai e Paraná.

Por conta da mistura de culturas diferentes, Colônia abriga diversos estilos arquitetônicos em seu charmoso centro histórico. A cidade é capaz de mostrar que o passado e o presente podem viver em perfeita harmonia.

O centro histórico é lindo e um passeio pelas suas ruas de pedras dão a sensação de que o turista está visitando cidades coloniais. É possível avistar diversos carros antigos, casas em ótimo estado de conservação, lamparinas, bicicletas antigas e muitas histórias.

Muitos turistas que visitam Colônia chegam por Buenos Aires, já que a capital da Argentina fica a apenas uma hora de barco do destino. Um dia é suficiente para conhecer seu pequeno centro histórico, mas é indicado ficar hospedado na região alguns dias para ver a bela noite e as ruas iluminadas por tochas.

A cidade está a apenas duas horas de Montevidéu, com fácil acesso de ônibus.