Cinco cidades europeias que preservam seus lados medievais

Locais levam os turistas ao passado e contam suas ricas histórias

17/08/2017 Bruno Mancini

Atualizado em: 20 de Março de 2018

O período medieval acabou deixando muitos monumentos espalhados por cidades da Europa. Se por um lado é uma ótima maneira de preservar a história da época, por outro é mais uma grande opção para os turistas.

Conhecer uma cidade medieval é uma ótima maneira de ter mais conhecimentos de como era a vida naqueles tempos. A Europa, um dos locais em que a época medieval marcou história, é um dos continentes que contam com essa grande opção de turismo.

Conheça um pequeno guia que o Passagem Aérea separou para você com cinco lindas cidades:

– Bruges – Bélgica

Bruges era uma das cidades da Europa mais importantes e em ascensão por conta de seu porto. A torre da Igreja de Nossa Senhora, uma das mais altas do continente, é um dos pontos turísticos mais conhecidos. Os tradicionais chocolates da região também conquistam os turistas.

– Carcassonne – França

Carcassonne foi totalmente restaurada no século 19 e é considerada a cidade medieval mais conservada do planeta. Ela fica no interior de uma grossa muralha de pedra, usada para defender a cidadela no auge do feudalismo.

– Praga – República Checa

Praga misturo o estilo gótico com o renascentista do século 16. Sua arquitetura é linda! O principal cartão-postal da cidade é a Ponte Carlos, utilizada para ligar a Cidade Velha à Cidade Pequena.

– Siena – Itália

No meio da Toscana, Siena possui edificações medievais lindas. A catedral de Siena é uma das principais construções da Itália e um dos movimentos mais preservados do país. A Piazza del Campo é um dos marcos da cidade e é lá que estão as principais atrações, como uma fonte e um museu.

– Toledo – Espanha

Toledo foi palco de muitos julgamentos da Santa Inquisição espanhola. Desde aqueles tempos a cidade passou por diversas mudanças. Seu charme está nas construções medievais.

cidades

Compartilhe:


Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *